• Grupo Zenobini

CEIR repudia caso de discriminação racial em jogo do Sport Club Rio Grande

A Comissão Especial de Igualdade Racial da Ordem dos Advogados do Brasil Subseção do Rio Grande repudia veementemente o ato de discriminação racial ocorrido no último sábado, 15, durante partida entre o Sport Club Rio Grande e o Sport Club 12 Horas. Toda e qualquer expressão que se utilize da raça de uma pessoa como motivo de zombaria e humilhação é um ato de discriminação racial e deve ser apurado no rigor da lei.


Vivemos no século XXI, e não é admissível que falas que desqualifiquem uma pessoa em razão da cor de sua pele, ou características fenotípicas sejam tratadas como “brincadeira” ou “ato inofensivo” como tenta fazer crer a nota divulgada pelo Sport Club Rio Grande. Por isso, a Comissão Especial de Igualdade Racial espera que o caso seja tratado com a seriedade que merece tendo em vista que não há mais espaço para tolerar condutas racistas em nosso cotidiano. Por fim, a CEIR espera que o Sport Club Rio Grande trate o caso com o rigor necessário, tendo em vista que o clube mais antigo de futebol no Brasil precisa ser um exemplo positivo para os demais clubes no fortalecimento da luta antirracista no Brasil.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo