• André Zenobini

Crítica de Série: The Act: um mergulho na história de Gypsy Rose

The Act é muito mais do que uma série ficcional que pode ou não prender a sua atenção. É uma história baseada em fatos reais. Fotos reais que poderiam facilmente terem sido criados por um autor escrevendo uma história bizarra. É assim que você se sente ao conhecer a história de Gypsy Rose em The Act.

Acompanhamos a história da pequena Gypsy Rose, interpretada por Joey King, uma menina aparentemente bastante doente que luta diariamente para sobreviver ao lado de sua mãe Dee Dee, interpretada por Patricia Arquette. Ao chegarem a sua nova casa, uma doação, os vizinhos começam a conhecer duas novas moradoras muito especiais. Uma mãe que lutava pela saúde e vida de sua filha em tempo integral. Uma menina doente em todas as suas esferas.


Ao longo da trama vamos conhecendo o interior da vida das duas até o momento em que a “deficiente” Gypsy entra andando em seu julgamento pela morte da própria da mãe. The Act é sobre a loucura internalizada na história de ambas. Dee Dee ao longo da vida afastou todas as pessoas de sua filha e foi colecionando problemas médicos para a menina. Seja por doença ou esperteza, Dee Dee fez de Gypsy sua boneca. Tornou-a psicologicamente dependente e colecionou erros e mentiras.

A pequena Gypsy Rose foi descobrindo a si mesma durante a série, o seu corpo, o amor e o ódio. Sem saber muito bem como se relacionar com o mundo, caiu nas piores armadilhas da vida. Da mesma maneira, teve a frieza de planejar o assassinato da própria mãe.

Impressiona a atuação de Joey King ao longo de toda a trama. Desde a caracterização até os movimentos e a voz. É surreal como a voz é parte essencial dessa história. Ao perceber as diferenças de voz da personagem sabemos exatamente como ela está naquele momento, quem ela é ali. É possível assistir a trama de um assassinato sem desgostar do assassino.

Já sobre Dee Dee, a personagem de Patricia Arquette vemos outro show de interpretação. A loucura enraizada, o olhar e cada um dos movimentos de Patricia são essenciais na construção dessa personagem. É um verdadeiro show.

Por tudo que já relatei, The Act é uma série capaz de te prender em cada um dos episódios. Sua narrativa é ágil, não é em ordem cronológica pois usa e abusa de mudanças temporais para fechar essa narrativa muito complexa. Vale a pena assistir!

620 visualizações
  • Facebook
  • Instagram
  • YouTube

Rio Grande - RS - Brasil © 2020 por 

Grupo Zenobini - Assessoria e Mídia

CNPJ: 29.654.842/0001-49

Desenvolvido por 1060 Logos