• Grupo Zenobini

Hospital Monporto debaterá atendimento materno-infantil no próximo sábado, 25

Profissionais de Pelotas, Porto Alegre e Rio Grande devem conversar sobre atendimento, design funcional e inovação. Evento contará com visita às obras do Monporto.



Rio Grande receberá neste sábado, 25, o evento “Atenção a saúde materno-infantil” que dedicará esforços para debater a importância de um atendimento rápido, qualificado e ao custo certo para as mulheres neste momento de suma importância da família, o nascimento de um bebê. Profissionais da região de Pelotas, Rio Grande e, Porto Alegre, serão painelistas traçando perfis de referência de atendimento e gestão, como no Hospital Moinhos de Vento, para ser aplicado desde a abertura do Hospital Monporto, em 2023. Visita às obras do novo hospital também farão parte da atividade. O evento que ocorrerá a partir das 9h será voltado ao público médico das áreas de ginecologia, obstetrícia e pediatria.


A preocupação do Monporto sobre esse assunto parte das dificuldades encontradas nesse tipo de atendimento em Rio Grande, bem como, dos dados trazidos pelo Boletim Epidemiológico de Mortalidade Materna, Infantil e Fetal da Secretaria de Estado da Saúde. Segundo esse documento lançado em 2022 referência 2020, o Rio Grande do Sul atingiu uma Razão da Mortalidade Materna (RMM) de 41,4 óbitos/100.000 nascidos vivos, valor mais alto desde 2015. Os principais pontos tratados nesse Boletim abordam o alto índice de mortes maternas por causas hemorrágicas e o aumento do número de cesáreas no estado.


Portanto, entre os tópicos abordados no painel em Rio Grande estarão as novas doenças que afetam as mulheres, principalmente, naquelas que incidem preocupação durante a gestação e hora do parto. Além disso, serão demonstrados os conceitos de “Design de Serviços” que orientaram as definições de layout. O detalhamento dos processos de atendimento permite alinhar a infraestrutura do Monporto com as necessidades dos usuários para entrega de padrões de segurança e experiencia similares aos melhores hospitais do Brasil. Outro tema a ser abordado durante o evento será a humanização do parto, a medicina e o atendimento qualificado para esse momento da vida.


Obra


Durante as atividades do evento neste sábado, 25, ocorrerão visitas às obras do Monporto. O novo hospital está em ritmo avançado de obras e, por isso, os médicos serão convidados a conhecerem o andamento in loco. Serão mais de 9,3 mil metros quadrados de área construída na fase inicial, dentro de um terreno de aproximadamente 15 mil metros quadrados.


Monporto


A ideia da criação de uma nova rede hospitalar focada em medicina suplementar surgiu depois de um estudo de viabilidade realizado em 2019 quando ficou confirmada a necessidade de um hospital direcionado a pacientes com plano de saúde no município do Rio Grande e região. O objetivo do hospital é entregar o cuidado certo ao custo certo para a comunidade regional. Estão sendo investidos cerca de R$90 milhões entre a construção da edificação, bem como, compra de equipamentos, mobiliário, ativos de TI e capital de giro.

Estão sendo gerados 150 empregos diretos durante a construção, além de 200 empregos indiretos. Já na primeira fase de operação, serão 450 empregos diretos e 150 indiretos. A capacidade inicial do hospital será de 70 a 75 leitos hospitalares, incluindo quartos com dois leitos, apartamentos, terapia intensiva e hospital-dia. Conforme a demanda, o hospital já estará preparado para atingir 200 leitos.


Serviço:

O que: Atenção a saúde materno-infantil sob a ótica Monporto

Data: 25 de junho

Local: Av. Presidente Vargas, 501.

Horário: 9h

Imprensa: A imprensa interessada na cobertura do evento estão convidadas. Confirmar presença pelo telefone (53) 98123.3094. As visitas às obras ocorrem a partir das 11h.

28 visualizações0 comentário