• Grupo Zenobini

Subseção do Rio Grande inicia Mês da Advocacia 2021



A Subseção do Rio Grande da Ordem do Advogados do Brasil iniciou na segunda-feira, 02, a programação do Mês da Advocacia 2021. A programação, respeitando as regras de distanciamento social, acontece de forma totalmente on-line. O Mês da Advocacia ocorre tendo em vista que no dia 11 de agosto é comemorado o Dia do Advogado.

“Mais uma vez realizaremos o Mês da Advocacia de forma totalmente virtual. É importante ter a consciência de que o que pode ser feito com distanciamento seja feito e que se priorize a reabertura daquilo que é essencial à nossa sociedade”, afirma o presidente da Subseção, André Moita Monteiro. Com o recurso da tecnologia, a advocacia rio-grandina poderá reunir-se com colegas de diferentes regiões para trocar experiências, anseios e soluções para o novo mundo do Direito.

A programação iniciou nesta segunda-feira, 02, com a apresentação do Porto-Indústria feita pelo Superintendente dos Portos do Rio Grande do Sul, Fernando Estima, à Comissão de Direito Marítimo, Portuário e Aduaneiro. Já a Comissão Especial de Direito Sistêmico e Práticas Restaurativas (CEDSPRA) realiza no dia 03, a palestra “A Nova Era da Advocacia com as palestrantes Patrícia Presser, especialista em Direito Notarial e Registral e em Direito Contratual, Responsabilidade Civil e Imobiliário, e Simone de Biazzi, coordenadora do curso de pós-graduação em Prática Jurídica Social – Residência Jurídica.

No dia 06, A Comissão da Mulher Advogada (CMA) debate “A Trajetória dos 15 anos da Lei Maria da Penha” com a palestra de Daniela da Rosa, vice-presidente da OAB Subseção Capão da Canoa, e pela pedagoga Rosemary da Cruz Marques, pós-graduada em psicopedagogia clínica e institucional. Já a Comissão de Fiscalização do Exercício Profissional (CFEP) recebe, no dia 10 de agosto, a palestra “Redes Sociais: Os limites da publicidade na advocacia” ministrada pela conselheira federal pela OAB/RS, Greice Fonseca Stocker.

No dia 12 de agosto, acontece a Assembleia Geral Ordinária, momento em que serão debatidos os principais temas da advocacia. Já no dia 13 de agosto, a Diretoria da Subseção propõe o debate “O avanço da tecnologia e a realidade do sistema judicial” com o conselheiro estadual da OAB/RS, Filipe Pereira Mallmann. No dia 17 de agosto, a Comissão Especial da Diversidade Sexual e Gênero (CEDSeG) recebe o evento”Adoção Homoafetiva no Direito Brasileiro”com a palestra do vice-presidente da CEDSeG/RS, Fabricio Marquezin Covcecich.

A Comissão Especial da Justiça do Trabalho (CEJT) debate, no dia 18 de agosto, sobre “Uberização das relações de trabalho e os desafios da advocacia trabalhista” com a participação da professora universitária, Luciane Toss, e do advogado Ramiro Crochemore Castro. Já a Comissão Especial da Criança e do Adolescentes (CECA) da Subseção do Rio Grande da OAB irá conversar sobre a “Apresentação do Sistema de Proteção e Atendimento da Criança e Adolescente no município do Rio Grande”, no dia 19 de agosto. Serão palestrantes as advogdas Ângela Torma, Bruna Pereira da Silva e Silvana Amaral da Cunha.

A Comissão do Jovem Advogado (CJA) conversa com a advocacia, no dia 24 de agosto, sobre “Noções de Investimentos para o Jovem Advogado”. A apresentação terá como palestrante Tiago Piassum Theodoro, sócio gestor da Marco Investimentos. Já a CEJT debate “Teletrabalho” com a presença de Maurício de Carvalho Góes, doutor em Direito pela Unisinos e membro titular da cadeira 33 da Academia Sul-Riograndense de Direto do Trabalho; da vice-presidente da Associação Gaúcha dos Advogados Trabalhistas (AGETRA), Luciana Alves Dombkowitsch; e o diretor da Associação dos Advogados Trabalhistas de Empresas no Rio Grande do Sul (SATERGS), Frank Peluffo.

Por fim, a Comissão Especial de Igualdade Racial (CEIR) da Subseção do Rio Grande da OAB recebe, no dia 26 de agosto, a palestra sobre “Cotas Raciais no Sistema OAB”. A apresentação, que é vinculada ao Mês da Advocacia, será realizada pela presidente da CEIR da Subseção Bagé, a advogada Patrícia Alves, e o coordenador da CEIR da Subseção Pelotas, o mestre em direito Fábio Gonçalves.




1 visualização0 comentário